Devemos levar a diversidade cultural para a sala de aula

DEBEMOS LLEVAR LA DIVERSIDAD CULTURAL PARA EL SALÓN DE CLASE

Os docentes e a escola devem aplicar um modelo de educação que desenvolva o respeito e a tolerância à diferença cultural

A escola deve ter um papel fundamental no desenvolvimento da tolerância às diferenças e para o respeito aos direitos humanos. Ela deve aplicar um modelo educativo que valore e ofereça todo o apoio à igualdade de oportunidades.

A UNESCO criou em 2001 a Declaração Universal da UNESCO sobre a Diversidade Cultural (2001), com metas para que as pessoas envolvidas em organizações públicas e sociais pudessem se orientar na hora de tomar decisões ou estratégias de atuação.

Entre os objetivos, é importante destacar o respeito ao diálogo intercultural, à diversidade e à inclusão. Também, deve-se construir uma comunidade comprometida com o apoio através de ações e gestos cotidianos e conscientes. Por fim, uma terceira meta importante é combater as polarizações que favorecem os estereótipos para poder assim melhorar o entendimento e a cooperação entre as pessoas.

Os professores que se especializam com a UNINI em programas de Mestrado em Formação de Professores de Espanhol como Língua Estrangeira ou Mestrado em Formação de Professores de Inglês como Língua Estrangeira, podem  buscar a diversidade cultural como recorte de aula e propiciar um espaço adequado para fomentar o diálogo intercultural e a transmissão e valores fundamentais dos direitos humanos.

Fonte: Día Mundial de la Diversidad Cultural para el Diálogo y el Desarrollo

Foto: Todos os direitos reservados