Benefícios de equipes multiculturais

unini-emp-multicultural

Equipes multiculturais são cada vez mais frequentes nas empresas.

O aumento das equipes multiculturais traz desafios específicos para as empresas, dada a crescente diversidade em seus escritórios.

“As organizações multiculturais focadas no desenvolvimento da liderança estão preparadas para superar sua concorrência. Só é necessário saber como integrar o know-how dos diferentes integrantes, ouvir os funcionários e suas necessidades e investir tempo e esforço na promoção de pontos comuns em vez de diferenças”, afirma Adriana M, autora no blog de Recursos Humanos HRTRENDS.

Este site destaca os principais benefícios da contratação de pessoas estrangeiras:

  • A presença desses profissionais pode favorecer a expansão a diferentes mercados, clientes e produtos.
  • A habilidade com vários idiomas também pode ajudar a uma projeção internacional maior e melhor.
  • Maior nível de criatividade e gerenciamento multifocal de objetivos.
  • Equipes de trabalho mais recompensadas e eficientes.
  • Adaptação a cenários em constante mudança é outra qualidade desse grupo.
  • Valores enraizados, como respeito e sensibilidade cultural, devido à integração desse grupo.
  • Permite a atração e retenção do talento.

Entre os inconvenientes que podem acontecer, o mais relevante é o etnocentrismo, em que um grupo considera que sua cultura impera na dos outros: “além de dirigir e motivar profissionais provenientes de diferentes culturas, devem-se gerenciar de maneira equitativa as diferenças culturais, a fim de minimizar os conflitos ou, caso existam, fazer com que seu impacto se reduza ao máximo”.

A UNINI patrocina diversos programas universitários centrados em oferecer aos profissionais informação completa e atualizada sobre diferentes técnicas relacionadas ao Departamento de Recursos Humanos. Um dos cursos oferecidos é o Mestrado em Direção Estratégica com Especialidade em Gerência.

Fonte: Ventajas de contratar plantillas multiculturales y retos a la hora de gestionarlas.

Foto: Todos os direitos reservados.