esporte/2021/12/20/unini-novas-tecnologias

Esporte

Entrevista: “Os profissionais do esporte se beneficiam de novas tecnologias em diferentes áreas”

unini-ainhoa-bores

Ainhoa Bores, professora da Universidad Internacional Iberoamericana (UNINI), explica as diferentes aplicações das novas tecnologias para o desempenho esportivo.

Em uma entrevista, a professora Ainhoa Bores, da área de Atividade Física e Esporte da Universidad Internacional Iberoamericana (UNINI), comenta como os profissionais do esporte estão se beneficiando cada vez mais das novas tecnologias no desempenho esportivo.

“Na análise e melhoria do desempenho esportivo; na prevenção e reabilitação de lesões; na melhoria dos equipamentos e roupas esportivas; na análise de dados (Big Data); e no apoio à arbitragem”, explica ele.

Entre as novas tecnologias mais utilizadas a nível profissional no esporte, ela destaca principalmente os sistemas de movimento e edição de vídeo. “O Video Tracking é um sistema amplamente utilizado no futebol, consistindo de várias câmeras instaladas em um estádio, que gravam a partida enquanto executam tarefas de detecção automática de movimento. Da mesma forma, existem sistemas para análise de movimento, como o Simi Motion, que são menos conhecidos, mas com grandes benefícios”, diz ele.

Ele também explica que, na medição cinética, existem instrumentos muito úteis “como o FreeStep, uma plataforma para analisar as pressões plantares”. Há também instrumentos de medição cinemática, como o OptoGait, um sistema de aquisição de dados óticos. Todos eles são muito úteis para análise biomecânica, melhoria do desempenho e prevenção/adaptação de lesões”.

No campo do futebol, já se sabe que uma série de novos instrumentos tecnológicos foram incorporados ao treinamento. Além disso, ele destaca o GPS, que “são amplamente explorados no mundo do futebol, pois permitem o controle preciso da carga externa, o que é muito importante para se obter um ótimo desempenho e evitar lesões”.

Na prática da atividade física, na população não profissional, os dispositivos mais acessíveis são os chamados “wearables”, que são usados no corpo como relógios, por exemplo. “Eles têm aspectos muito positivos para melhorar o desempenho esportivo e promover hábitos de vida saudáveis. Eles nos permitem acompanhar nosso desempenho esportivo de forma fácil e acessível através de aplicações sincronizadas com estes artigos de desgaste. Da mesma forma, existem Relógios Inteligentes com software muito simples, para aqueles que querem manter um controle mínimo de seu estilo de vida e hábitos de atividade física; para monitores de freqüência cardíaca, para aqueles que querem manter um controle mais rigoroso de seus treinos”, diz ela.

Ainhoa Bores é formada em Atividade Física e Ciências do Esporte, com Mestrado em Pesquisa em Atividade Física e Esporte, Mestrado em Ensino do Ensino Secundário Obrigatório e Bacharelado, Formação Profissional e Ensino de Idiomas (Educação Física). Sua área de especialização é a análise biomecânica.

A UNINI oferece o Mestrado em Atividade Física: Treinamento e Gestão Esportiva, com o objetivo de formar profissionais com conhecimentos e recursos suficientes para desenvolver um trabalho profissional eficaz e eficiente no campo da atividade física, focado em treinamento e gestão esportiva.

Colaboradores

Copyright ©2022. Universidade Internacional Iberoamericana. Todos os direitos reservados.