Condor chega a percorrer 176 Km para buscar alimento

Condor chega a percorrer 176 Km para buscar alimento

O pássaro viaja desde a cordilheira no Chile, onde tem o ninho, até a Patagônia argentina, em busca de alimentos. Motivo está associado à mudança no ecossistema local

Pesquisadores observaram como muitos dos condores andinos atravessam quilômetros para buscar alimentos, e podem chegar a percorrer 176 quilômetros entre o Chile e a Argentina. De acordo com um estudo desenvolvido pela Universidade Nacional de Comahue (Argentina), a diminuição da fauna local, especialmente marinha como as baleias, provocaram a necessidade das aves se moverem por outras regiões.

Outra razão associada é a urbanização próxima à zona costeira que pode influenciar na busca de alimentos dos condores por lugares mais inóspitos.

Segundo os autores do estudo, publicado na revista da Academia de Ciências do Reino Unido, Proceedings of the Royal Society B., as aves continuam com os ninhos no mesmo lugar, apesar de ter os alimentos mais longe, devido a que muitas das espécies nascem e voltar à zona de origem para poder se reproduzir.

“Acreditamos que a existência destes ninhos localizados em uma zona tão longe do lugar de alimentação atual se deveria a que tempo atrás estas aves se nutririam da decomposição de animais marinhos”, afirmou Sergio Lambertucci, pesquisador do Instituto de Investigaciones en Biodiversidad y Medioambiente argentino (Inibioma) e um dos autores do estudo.

Profissionais interessados na conservação da natureza com práticas sustentáveis podem optar pelo Mestrado em Gestão e Auditorias Ambientais, da UNINI.

Fontes:

Por qué el cóndor hace su nido en Chile pero se alimenta en Argentina

La escasez de comida empuja al cóndor andino desde Chile a la Argentina

Foto: Alguns direitos reservados por Pixabay