Defendem a harmonização das políticas residenciais e a expansão urbana

defendem-harmonizacao-politicas-residenciais-expansao-urbana

O pesquisador Slaven Razmilic, do Centro de Estudios Públicos de Chile, considera que a solução aos problemas residenciais nas grandes cidades passa por conciliar o planejamento urbano e as políticas de moradia.

O acesso à moradia e à ordenação urbana são dois dos problemas mais importantes nas grandes cidades. Muitas deles apresentam distritos nos subúrbios, com uma importante concentração de população e uma conexão deficiente com o centro da cidade.

Por isso, Slaven Razmilic, pesquisador no Centro de Estudos Públicos do Chile, reivindicou a importância de coordenar as políticas residenciais com os planos de desenvolvimento urbanístico. Deste modo, na opinião de Razmilic, pode-se proceder à regeneração das áreas urbanas empobrecidas e prevenir a proliferação de instalações de barracos e de edificações ilegais incontroladas.

A este respeito, o pesquisador destacou a necessidade de descentralizar as políticas urbanas e residenciais. Assim, Razmilic recomendou que estas áreas sejam administradas pelos governos regionais e locais. Isto encontra sua razão de ser no maior grau de conhecimento destes entes sobre o território, em comparação com os executivos nacionais.

Entretanto, Razmilic advertiu que, no processo de resolução dos problemas residenciais das cidades, deve participar, também, a sociedade civil. Assim, o especialista reconheceu que não basta as ações governamentais, mas é necessário o envolvimento das ONG, fundações e comunidades locais como organizações canalizadoras da participação cidadã.

Na Universidad Internacional Iberoamericana de Porto Rico (UNINI-Porto Rico) é ministrado o Mestrado em Desenho, Gestão e Direção de Projetos. Nele, os alunos tomam consciência da necessidade de elaborar adequadamente qualquer projeto como passo básico para estabelecer seus alicerces e facilitar a gestão e a direção posterior.

Fonte: Slaven Razmilic: ‘No avanzaremos si las políticas de vivienda no se integran y coordinan con planificación urbana

Foto: Todos os direitos reservados